1# - Entre livros.... e trilhas sonoras

Quem nunca leu um livro e ficou imaginando uma trilha sonora que combine com ele? Ou qual música pertenceria àquele casal principal, caso ele tivesse uma música?! Pelo menos uma vez na vida todos fizeram ou farão isso.

É com esse pensamento que resolvi criar essa coluna, a fim de diversificar os posts – apenas resenhas fazem com que as postagens fiquem cansativas, eu sei – e não fugindo do tema principal do blog.
Para a estreia dessa coluna escolhi o livro A hora mais sombria, da série A Mediadora.  Este é sem dúvidas o melhor livro desta série, que é uma das minhas preferidas por sinal. Sendo muito sincera, tinha várias ideias para uma trilha sonora, mas, acabei selecionando duas.

Se você não leu nenhum dos quatro primeiros livros dessa série, fique ciente que este post contém SPOILERS sobre a história do quarto livro, podendo haver também dos anteriores.



Sinopse: Em A hora mais sombria, quarto livro da série A mediadora, Suzannah sofre com sua paixão por Jesse - o fantasma "muito gato e com abdômen de tanquinho", que "vive" assombrando seu quarto. Desta vez, Suzannah aproveita as férias de verão para incrementar seu guarda-roupa com o dinheiro ganho com um trabalho árduo e muitíssimo trabalhoso. Enquanto passa seus dias como babá, sonhando com aquele novo par de Manolo Blanik ou aquele vestidinho Prada, ainda arruma tempo para orientar um menino de cinco anos que se revela um mediador. Para completar, precisa fugir das cantadas do irmão mais velho do moleque, que guarda um estranho segredo.
Mas esse é o menor de seus problemas: acordar no meio da noite com uma faca na garganta, empunhada pela ex-noiva (morta!) de seu namoradinho fantasma, não pode ser um bom sinal. Ainda mais quando a fantasma exige que a construção de uma piscina nos fundos da casa de Suzannah seja interrompida imediatamente. Nossa mediadora preferida começa a pensar o que a fantasma tem tanto medo que encontrem. A possibilidade de ser o corpo de Jesse não está completamente descartada. E se for isto mesmo? E se, ao solucionarem seu assassinato, o rapaz conseguir, enfim, passar para o outro lado? Como ela vai agüentar de saudades?

 
A primeira música é, para mim, a música que mais combina com esse livro. Almost Lover  é da banda A fine Frenzy. Para quem já conhece o livro, vai perceber claramente como esta se encaixa com umas das partes de maior importância da obra – e sem dúvidas, com a mais triste da série.




A ponta dos seus dedos pela minha pele
As palmeiras balançando com o vento
Imagens

Você me cantava canções de ninar espanholas
A mais doce tristeza em seus olhos
Truque inteligente
 Eu nunca quero te ver infeliz
Eu pensei que você quisesse o mesmo pra mim
Adeus, meu quase amante
Adeus, meu sonho sem esperança
Estou tentando não pensar em você
Você não pode apenas me deixar?
Até logo, meu romance sem sorte
Virei minhas costas pra você
Eu deveria saber que você me traria dor?
Quase amantes sempre trazem
Andamos juntos em uma rua cheia de gente
Você pegou minha mão e dançou comigo
Imagens
E quando você se foi, beijou meus lábios
Você me disse que nunca, nunca esqueceria essas imagens, não
 

Eu não posso ir ao oceano
Eu não posso dirigir pelas ruas à noite
Eu não posso acordar pela manhã,
Sem você na minha mente
Então você se foi e eu estou assombrada
E aposto que você está bem
Eu facilitei pra você
Entrar e sair assim da minha vida?
A segunda música é de uma cantora muito conhecida por todos: Pink. Mesmo o rítmo destoando um pouco do drama que a parte do livro proporciona, a letra me lembra muito a personagem principal – Suzannah – e sua maneira de se expressar


Bem, este foi o primeiro post dessa coluna e sinceramente espero que não tenha ficado muito ruim. 
E então: o que acharam? Vocês acrescentariam alguma outra música ou discordam de alguma das que postei? Não deixem de comentar!

15 comentários:

  1. Esse livro tb é um dos meus favoritos!! Amo a série!!

    Almost Lover não conhecia, mas acho que encaixou perfeitamente!!!! Who knew é perfeita tb!

    Ótimas escolhas!

    Um beijo,
    Nica

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia essa banda A Fine Frenzy, que musica linda, amei.

    Tem promoção lá no bloguinho, sinta-se convidada.
    bjos

    ResponderExcluir
  3. Muito bom Polly! Escolheu muito bem as músicas! Se encaixa muito bem..
    Esse livro realmente é um dos melhores da série!

    Parabéns de novo!
    Beijos! ^^

    ResponderExcluir
  4. GANHE UM URSO DE PELÚCIA + UM EXEMPLAR DE PRESENTES DA VIDA!!!

    Inscreva-se
    Acesse: www.Imaginayre.com.br

    ResponderExcluir
  5. Peninha que não li essa série, mas bem que tentei... :/

    Beijos
    Amanda
    leiturahot.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Não li o post inteiro pois ainda não li os livros e morro de vontade em ler heheheh
    Achei a idéia do post muito legal e gostei das músicas escolhidas, não conhecia a primeira (sim, sou perdida heheh) :)

    ResponderExcluir
  7. Não li o post todo por conta dos Spoilers e ainda quero ler esses livros, mas a música da P!nk que você escolheu, eu simplesmente AMO. Uma ótima escolha de qualquer forma.

    Beijos
    http://reencontrodasartes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Confesso que nunca imaginei uma trilha sonora para os livros. Já me peguei parada no meio da leitura imaginando o que eu faria se fosse parte da história, mas nunca pensei numa música... rs. Achei a primeira música muito triste, mas não li o post todo por causa dos spoilers. Estou com os 6 livros da série aqui, mas ainda não peguei para ler. Depois que tiver lido eu volto aqui... rs.

    Bjinho,
    Pri.

    ResponderExcluir
  9. Eu acho que eu nunca parei para imaginar uma trilha sonora dos livros que eu leio. Mas acho que vou começar a fazer isso agora.
    Mas adorei as suas escolhas. <3

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  10. Eu sempre faço isso e fato que agora, as pessoas que não faziam e que leram o post, vão acabar fazendo kkkkkkk Sobre as músicas, eu adorei as escolhas. Almost Lover combina MUITO. E nunca tinha pensado nessa música da Pink, mas, ela realmente é a cara da Suzannah. Agora comentário meio relacionado ao post, não consigo ler as partes do Paul sem cantar Jessie's Girl mentalmente, tirando claro a parte que fala que Jessie é um amigo e tal kkkkk ótimo post polly

    ResponderExcluir
  11. Hola, cartas precisos y concisos y desnudan la carrera de su belleza germen de talento de este blog, usted irá palabra encadenada a su alrededor, su poesía, espero que en el mio, es Un Placer, es,
    http://ligerodeequipaje1875.blogspot.com. es /
    Gracias, Buen Día, Totales besos ..

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bom?
    Adorei, relamente quando leio um livro uma música surge em minha mente, mas acho que a pink tem música que combina com qualquer livro.É só procurar kkkkk
    Território das garotas
    @territoriodg
    Bjss *-*
    Passa lá no blog?
    http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Gosto bastante das musicas da Pink, ela é uma otima cantora
    E infelizmente eu nunca li este livro, mas tenho vontade

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Pollyana!
    Começou super bem ein..adoro a série! Escolher uma trilha deve ter sido difícil. Eu adoro essa música Almost Love e a letra tem tudo a ver né..a de Pink não consegui ouvir e não lembro de conhecer esta música..

    Show essa coluna..obrigada pela visita e por seguir, também estou te seguindo por aqui..
    beijos :D

    ResponderExcluir
  15. Adorei a coluna, Pollyana!
    Não passei do primeiro livro da série A Mediadora. :/ Vou me esforçar mais, prometo.
    Não conhecia a primeira música, mas achei linda!
    A segunda é linda, já conhecia, mas gosto da versão da Maria Gadu, onde a música está mais romântica, por assim dizer. *-*
    Beijos.

    ResponderExcluir