Resenha #106 : Entre o amor e a vingança

Título: Entre o amor e a vingança 
Autor: Sarah Maclean
Editora: Gutemberg
Nº de Páginas: 304


O que um canalha quer, um canalha consegue... Uma década atrás, o marquês de Bourne perdeu tudo o que possuía em uma mesa de jogo e foi expulso do lugar onde vivia com nada além de seu título. Agora, sócio da mais exclusiva casa de jogos de Londres, o frio e cruel Bourne quer vingança e vai fazer o que for preciso para recuperar sua herança, mesmo que para isso tenha que se casar com a perfeita e respeitável Lady Penélope Marbury.Após um noivado rompido e vários pretendentes decepcionantes, Penélope ficou com pouco interesse em um casamento tranquilo e confortável, e passou a desejar algo mais em sua vida. Sua sorte é que seu novo marido, o marquês de Bourne, pode proporcionar a ela o acesso a um mundo inexplorado de prazeres. Apesar de Bourne ser um príncipe do submundo de Londres, sua intenção é manter Penélope intocada por sua sede de vingança - o que parece ser um desafio cada vez maior, pois a esposa começa a mostrar seus próprios desejos e está disposta a apostar qualquer coisa por eles até mesmo seu coração.

Olá pessoal, tudo bom com vocês? Hoje venho com a primeira resenha do ano e não podia deixar de ser de um romance de época, não é mesmo? rs O livro da vez é “Entre o amor e a vingança”, primeiro volume da série O clube dos canalhas, lançado pela editora Gutemberg.


O livro nos apresenta a história de Michael, o Lorde Bourne e Penélope. Os dois eram amigos de infância e ele foi a primeira pessoa por quem ela nutriu sentimentos. Ele vai estudar em um colégio interno e por um tempo eles trocam cartas, até que Michael simplesmente desaparece. Posteriormente, chegam notícias de que Michael perdeu tudo o que possuía em uma mesa de jogo para a pessoa que devia protegê-lo, incluindo uma propriedade pela qual tinha grande estima.

Anos se passam e Penélope, agora com 28, está sendo obrigada a se casar pois sua solteirice está prejudicando a reputação de suas irmãs. A mesma havia tido um noivado que se rompeu, uma vez que seu noivo, o Duque de Leighton, se apaixonou por outra mulher. Como situações desesperadoras exigem medidas desesperadas, o pai de Penélope aumenta seu dote, colocando no mesmo a propriedade que pertenceu a Bourne e que o mesmo tanto queria.

Aí é que o destino de nossos mocinhos voltam a se cruzar, o que seria ótimo se Bourne não tivesse uma reputação tão ruim e não estivesse atrás de Penélope apenas para recuperar o que era seu e concretizar uma vingança. Os dois acabam unidos, mas, o que Michael não esperava era que Penélope não ia se curvar as suas vontades nem aceitar desaforos calada.

Agora Michael vai ter que lutar contra seu coração e suas vontades para concretizar suas vingança e Penélope terá que “derrubar os muros” que Michael construiu em torno de sua vida e de si para encontrar aquele homem por quem nutriu sentimentos por trás daquela fachada cruel e libertina, podendo assim viver uma história de amor.


Não é mais novidade para ninguém o quanto gosto da escrita e narrativa de Sarah Maclean. As histórias da mesma sempre fluem muito bem e me envolvem de uma forma que sempre acabo os livros suspirando.

Quando você acha que ela não te surpreende mais, ela vem com esta série que nos apresenta “um mundo novo”, não explorado em romances de época. Aqui vemos boa parte da história dentro de um antro de jogatina e prazer, o Anjo Caído, que fora construído por Bourn e mais quatro amigos nobres que perderam tudo e que se tornou um sucesso na sociedade, acabando com a fama dos quatro, mas recuperando toda a fortuna que perderam.

Ver um romance se desenvolver entre Penélope e Michael, se inserindo inclusive nesse contexto é fantástico, fazendo passar até a vontade de socar esse canalha inveterado.

Penélope era uma típica mulher com síndrome do patinho feio, mas, quando inserida na situação em que Bourne a coloca, ela passa a ter voz, a demostrar suas vontades, deixar claro seus desejos e suas motivações. Ela passa a se impor e a lutar pelo que quer e acaba conquistando o leitor com sua garra e fibra. É a personagem que aprende a se valorizar, a se amar e a se construir e reconstruir quando necessário. É impossível não se encantar com ela.

Michael, por outro lado, se mostra apaixonante nas cartas do passado, mas, em algumas situações onde faz de tudo para afastar nossa mocinha nos deixa com uma raiva tremenda e com aquela vontade de lhe dar uns bons tapas. Entretanto, é muito divertido acompanhar a redenção do protagonista, contada de uma maneira bem fluida, sem enrolações ou melodramas demais. Quando começamos a ter vislumbres do Bourne do passado e de um homem bom que surgiu mesmo em meio a todas as situações ruins pelas quais passou, é impossível não se afeiçoar a ele e não torcer por esse casal envolvente.

Este enredo não foge muito dos romances clichês, mas, seus personagens são intensos e bem construídos. Este livro, mesmo com seu final previsível, nos ganha em seu desenvolvimento. É maravilhoso e prazeroso ver Bourne ficar de fato entre o amor e a vingança. A forma como o romance é construído entre altos e baixos entre os personagens também é muito bom de se acompanhar. Sarah desenvolveu uma trama envolvente e muito bem elaborada, então só me resta indicar esse livro a vocês, para que também se deliciem com esta leitura. Mal posso esperar para continuar a série e acompanhar os outros donos do Anjo Caído descobrindo o amor.

É isso pessoal, espero que tenham gostado da indicação de hoje! Não deixem de comentar, ok? Beijos e até o próximo post!


19 comentários:

  1. Olá
    Adorei poder conferir suas impressões a respeito desse livro, especialmente porque eu também já fiz essa leitura e adorei. Sou suspeita em comentar, porque amo esse gênero, mas particularmente achei o desenvolvimento dos personagens incrível.
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem ?
    Esse ano tenho como objetivo ler um romance de época, nunca havia me interessado por nenhum, mas tenho lido tantas resenhas interessantes, que comecei a ficar curiosa.
    Vi que embora clichê o livro é bem intenso e isso me conquista, afinal o que nessa nossa vida não é clichê ?
    Adorei as suas fotos.
    Beijos
    www.estilo-gisele.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. oiee, tudo bem? Nossa esse ano eu também li esse livro, aliás a série toda e gostei bastante, apesar de estranhar as capas monocromáticas rsrsr, a Sarah é uma ótima autora e seus romances são muito divertidos!

    bjs

    www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
  4. Enquanto eu lia a sua resenha, senti uma pitada de clichê do gênero e só confirmei isso com o seu comentário no final afirmando que o livro não foge muito disso. No entanto, como eu ainda não li nenhum romance histórico além de Orgulho e Preconceito, será uma novidade pra mim. Talvez eu arrisque.

    Um abraço!
    Parágrafos & Travessões

    ResponderExcluir
  5. Nunca li nada da autora e com certeza não foi por falta de indicações e elogios. Apesar de adorar romances, li pouquíssimos históricos e acho que quero entrar de cabeça neste gênero por esta serie. Acho que vou adorar, do primeiro volume ao ultimo!!! Espero poder fazer isso em breve.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Primeiro parabéns pelo lindo blog e pelas fotos lindas da resenha, essa última foi top! Eu preciso comprar os livros dessa autora. Assim como Mary Balogh e Julia Quinn me conquistou acredito que a Sarah irá fazer o mesmo. Ótima resenha, até porque você deu uma geral muito boa d livro, e me deixou com mais vontade ainda de ler algo.

    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Ainda não li nada de Sarah MacLean, mas pretendo começar este ano e em breve!

    Gosto quando as protagonistas são fortes e decidem por si mesmas, ainda mais em uma época tão conturbadora para as mulheres. Gostei muito da sua resenha!

    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Ainda não li nada da Sarah MacLean, mas estou mega curiosa para ler, pois acho que poderei curtir muito. Achei interessante você ter dito que, apesar de a história ser clichê, ela é inovadora pelos personagens.
    Claro que anotei a dica e te dou parabéns pela resenha.
    beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  9. Eu pensei muito em comprar esse livro na Black Friday, mas não consegui. Pretendia comprar todos já publicados, porém tive que me contentar em comprar nenhum. Está na minha lista e quero muuuuuito ler esse ano. Adoro romance de época e esse livro parece ser muito bom, do jeito que eu gosto.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Gente, esse livro tem tudo o que eu mais gosto e estou louca para ver esse Anjo se apaixonar. Pelo que você falou é uma obra que proporciona momentos maravilhosos e com muito romance - o que eu amo! Gosto de ser sem enrolação ou melodramas, estou ansiosa para conferir tanto a história quanto a escrita da autora. Já anotei aqui e quero ver se consigo ler em breve!
    Um beijo
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Todas as vezes que eu pensava em romances históricos escritos hoje em dia, eu pensava que detestaria, mas é a segunda resenha que eu leio e que me faz ter interesse pelo gênero...
    A resenha é muito boa e você me convenceu a tentar! Muito obrigada!

    Beijos, Bel

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. A série é ótima sem falar da beleza.das capas. Gabriel me conquistou no instante em que tratou Calpurnia com tanto carinho. Calpurnia por sua vez mostrou ter muita coragem quando decidiu realizar seus desejos. Um casal é um enredo delicioso.
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Eu não li ainda a obra, mas depois de sua resenha a vontade está enorme. Adoro romance de época! E juro que não me importo com finais previsíveis e coisas clichês, me importo muito mais com o desenvolvimento e aquele algo a mais, que pelo jeito são os personagens. Fiquei ansiosa para conferir!
    E que capa linda, né? <3
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  14. Olá,
    Apesar de todo esse desenvolvimento envolvente que você descreve na resenha, os clichês e fatos previsiveis me afastam da leitura do livro, gosto de história que me surpreendam, e acredito que este não seja o livro. Mas fico contente que para você a mensagem do enredo tenha sido bem apresentada;

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Eu ainda não conheço a escrita da Sarah, mas morro de vontade de ler as suas obras! Não me incomodo com livros clichês, desde que eles tenham um bom desenvolvimento, que é o caso desse. Como sou apaixonada por romances de época, tenho certeza que vou me apaixonar por mais essa série também.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. Olá,
    Adorei a resenha e concordo que não poderia ser de outro gênero.
    Gosto bastante de romances de época e não sabia que esse era o primeiro livro da série O clube dos canalhas.
    Fiquei bem intrigada para saber mais sobre essa vingança e como Lady Penélope irá reagir a todos os acontecimentos.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Não sou muuuuito fã de livros com histórias clichês, mas as vezes, para dar uma variada, gosto de ler histórias assim.
    Vou anotar aqui sua dica. Obrigada!
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Oie,
    Lorde Bourne e Penélope, nomes requintados da alta sociedade. É bacana a premissa que agrega dois personagens que se conhecem desde a infância, e ainda mais por ele ter sido o primeiro a quem nutriu sentimentos. E, tudo muda de um jeito. Me parece ser uma obra cheia de reviravoltas. Tudo que envolve vingança não acaba bem... ou quase.
    Será um dos livros que eu colocarei para minha wish list de março.
    Você tem uma escrita convidativa. Atente apenas para alguns erros de semântica, que não é gritante. Na primeira frase " O livro nos *trás* é com z e não com s, pois se trata do verbo trazer.
    beijos, Amanda M.

    ResponderExcluir
  19. Oi, tudo bem?
    Eu amo um bom romance de época mas nunca li nada da autora, essa não é a primeira vez que vejo falarem bem dessa série, sua resenha me trouxe uma ótima proposta, até vou ver se consigo ler os livros em breve! quero conhecer esses personagens e me envolver também.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir